QUAL O SEU REAL
PERFIL DE
INVESTIDOR

QUAL O SEU REAL
PERFIL DE
INVESTIDOR

Faça o teste gratuito e invista com a gente

Previdência Privada: o retorno

Pouca gente sabe, mas o banco mais antigo ainda em funcionamento começou como um montepio. Trata-se da Banca Monte dei Paschi di Siena, que na Itália do século 15 oferecia aos desfavorecidos empréstimos a juros baixíssimos em troca de penhor, além de prever pensões para viúvas e órfãos em caso de falecimento do trabalhador. “Montepio”, aliás, vem da tradução incorreta de monte di pietà, que significa mais precisamente “crédito caridoso”. Ou seja, acredite se quiser, a mais velha instituição bancária do mundo nasceu como obra de caridade.

E no Brasil, muito antes de sua regulamentação, foi com um montepio que a previdência privada nasceu em 1904 — quase 20 anos antes do conceito de previdência estatal criado pela Lei Elói Chaves e mais de 60 anos antes da criação do INPS, pai do atual INSS. A ideia era a mesma: garantir o uso futuro de uma poupança gerada com o trabalho presente.

O interessante é que a previdência privada quase sempre foi vista como “complementar” — afinal de contas, a responsabilidade principal pela aposentadoria do cidadão era do Estado, sem falar que só o governo gozava da confiança necessária para garantir a devolução dos valores poupados durante décadas na forma de benefícios perenes. Ninguém melhor que o Tesouro Nacional para guardar uma poupança tão preciosa, certo?

Mas isso começou a mudar quando os contribuintes perceberam que seu futuro estava ficando incerto: inflação galopante, desmandos na gestão pública, rombos no caixa da Previdência…ficou claro que complementar a aposentadoria era uma necessidade, e nisso a regulamentação da previdência privada em 1977 também ajudou. Mas durante muito tempo os eventuais aplicadores estavam tão preocupados com o curto prazo que poucos se interessavam em aplicações mais longas.

Veio então o ano de 1994, e com ele o divisor de águas do Plano Real. Em pouco tempo, planejar para prazos mais longos tornou-se normal graças à estabilidade monetária, e os poupadores já se davam ao luxo de pensar em projetos para a vida inteira. O governo também fez sua parte, criando o PGBL em 1998 e o VGBL em 2002, ampliando assim a gama de produtos à disposição do público. Com o tempo, novas regras passaram a dar ainda mais flexibilidade aos gestores de fundos de previdência, hoje bem diferentes daqueles produtos que vinte anos atrás não passavam de metas menores de gerentes de agências bancárias.

Complementar a aposentadoria do INSS é hoje uma necessidade. Fundos de previdência não têm apenas vantagens tributárias, mas também têm grande utilidade no planejamento da distribuição de recursos aos descendentes. E nada impede que a gestão desses fundos obtenha rentabilidade bastante similar à de outras opções do mercado.

A previdência privada existe há muito tempo, mas talvez só agora mostre no Brasil seu melhor retorno.

 

 

POSTS RECENTES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MATÉRIAS RELACIONADAS

A Investindo Com Valor é um produto da VGR Asset, que tem como objetivo de fornecer serviços de administração e gestão de patrimônio de forma profissional e transparente, assim como participar do processo de gestão do patrimônio de nossos clientes, criando valor através do alinhamento entre a identificação de seu perfil e a maximização do retorno de seus ativos.

RECEBA DICAS E NOVIDADES POR E-MAIL